Oftalmologia

Home / Especialidades / Oftalmologia

Oftalmologia

A oftalmologia (grego: ophthalmós (olho) + logos (estudo): estudo do olho) é uma especialidade da medicina que estuda e trata as doenças relacionadas ao olho, à refração e aos olhos e seus anexos. O médico oftalmologista diagnostica, e prescreve tratamentos e correções para os distúrbios de visão. A oftalmologia, como parte da medicina e especialidade médica, é dedicada ao estudo, diagnóstico e tratamento de doenças e erros de refração apresentados pelo olho, oculística e oftalmiatria.

O glaucoma é uma doença frequente em oftalmologia e habitualmente não diagnosticada, tornando-se assim uma das causas mais importantes de cegueira. Contudo, quando são feitas as observações de oftalmologia recomendadas e se consegue diagnosticar, a maioria dos glaucomas pode ser tratado e controlado com um tratamento médico ou cirúrgico. Habitualmente associado a uma pressão intraocular alta, o glaucoma pode também surgir com pressões intra oculares normais, daí que seja importante uma avaliação regular pelo médico oftalmologista, mesmo na ausência de queixas.

A catarata é um diagnóstico também muito presente em oftalmologia. É frequente comparar o funcionamento do olho com uma máquina fotográfica. O cristalino é a lente natural do olho, e é aqui que surgem as cataratas. O cristalino progressivamente torna-se opaco o que dificulta a formação da imagem na retina. No olho com catarata, a visão está dependente do grau de opacificação do cristalino. A principal causa de cataratas é o envelhecimento e o único tratamento é a cirurgia.  Os sintomas de cataratas incluem: visão turva, diminuição da sensibilidade às cores e contraste, aumento da sensibilidade à luz, entre outros. No entanto, no início as cataratas podem não manifestar sintomas.

Algumas outras alterações mais comuns na área da Oftalmologia são:

  • Anomalias na córnea;
  • Degeneração Macular;
  • Descolamento de retina;
  • Distrofia de Fuchs;
  • Episclerite;
  • Toxoplasmose;
  • Tumores oculares;
  • Esclerite;
  • Estrabismo;
  • Hifema;
  • Hipermetropia;
  • Hordéolo;
  • Miopia;
  • Neurite óptica;
  • Oclusões vasculares retinianas;
  • Pinguécula;
  • Presbiopia;
  • Pterígio;
  • Retinopatia diabética;
  • Traumatismo ocular;
  • Tumores Oculares;
  • Uveíte.

Para lá do seu papel curativo, a Oftalmologia tem uma vertente preventiva muito importante, não sendo demais referir a importância de uma consulta regular de Oftalmologia como método fundamental para a manutenção de uma visão normal.

Endopsi Loures