Tratamentos Dentários

Home / Especialidades / Medicina Dentária / Tratamentos Dentários

Medicina Dentária – Tratamentos

A Dentisteria tem como objetivo restabelecer e melhorar a estética e função dos dentes. É a área da Medicina Dentária responsável pela restauração de dentes com cárie, alterações de forma ou coloração, e pela resolução de fraturas, melhorando a sua aparência e diminuindo a dor. Também devolve ao paciente um sorriso saudável e bonito, contribuindo para o aumento da auto-estima e autoconfiança, melhorando o contacto social com aqueles que o rodeiam.

A Endodontia, mais conhecida como desvitalização, é a especialidade responsável pelo estudo da polpa dentária, dos canais e dos tecidos periapicais, vulgos “nervos”.

A polpa dentária localiza-se no interior do dente, e é responsável pela sensibilidade dos dentes. As lesões da polpa podem ser originadas por traumatismos, fraturas ou cáries profundas, e podem provocar sensibilidade e abcessos. Entre os sintomas indicativos de uma infecção dentária podemos incluir os sintomas generalizados de infecção, como a dor, sensibilidade na exposição ao frio/calor e desconforto ao toque e mastigação.

A desvitalização devolve ao dente a função mastigatória. Deverá ser sempre a primeira opção em dentes cuja desvitalização realizada anteriormente fracassou.

A Periodontologia estuda e trata as doenças do sistema de suporte dos dentes. Algumas alterações patológicas do periodonto são a placa bacteriana, gengivite, ou periodontite.

O depósito de placa bacteriana e de tártaro entre a gengiva e os dentes provoca uma inflamação que, provoca dor, afeta os tecidos que suportam os dentes.

Qualquer indivíduo com uma higiene oral mais fraca pode desenvolver uma inflamação das gengivas (com inchaço, sangramento e por vezes dor). No entanto, alguns fatores como a gravidez, a puberdade, dentes mal posicionados ou uso de próteses difíceis de higienizar aumentam o risco de aparecimento deste problema.

Caso esta inflamação evolua, pode acabar por se tornar num problema grave, denominado periodontite. Poderá existir perda de osso irreversível, com os dentes a começarem a abanar, podendo mesmo por cair. O stress, o tabagismo, fatores genéticos ou doenças como a diabetes são fatores de risco para o aparecimento da periodontite. A periodontite afeta grande parte da população e é responsável pela maior parte da perda de dentes em doentes adultos.

A Odontopediatria destina-se a prevenir e tratar os dentes das crianças. Um médico dentista com formação em odontopediatria utiliza técnicas diferenciadas, de forma a conseguir captar e ganhar a confiança da criança para assim realizar as técnicas necessárias, sempre com a maior segurança e a ausência de dor, muitas vezes associada ao procedimento. O mundo das crianças tem particularidades e necessidades que, muitas vezes, só quem bem as conhece entende, e por isso é tão importante existir formação e experiência nesta área.

A Prostodontia é uma área da Medicina Dentárias que se dedica a estudar, tratar e melhorar a utilização de próteses dentárias. As próteses fixas são estruturas que se fixam aos dentes pelo médico e que só ele pode remover, se tal for necessário. Próteses removíveis, como o próprio nome indica, são facilmente removidas e inseridas pela própria pessoa o sem intervenção do médico dentista. Apoiam-se diretamente nos dentes e/ou na mucosa.

A Cirurgia oral é o campo da Medicina Dentária que inclui o diagnóstico e tratamento cirúrgico de doenças, traumatismos e deformidades, envolvendo ambos os aspetos estéticos e funcionais dos tecidos moles, boca, dentes, gengivas e maxilares. Envolve a remoção de dentes inclusos (por exemplo, os sisos), apicectomias, patologias orais ou implantes dentários.

A Cirurgia Maxilo-Facial é a especialidade que realiza cirurgias e tratamentos de doenças e defeitos envolvendo aspectos funcionais e estéticos dos tecidos moles e duros da região oral e maxilo-facial. Tratamentos no âmbito da cirurgia facial e oral em geral e, particularmente, em traumatologia da face, doenças das glândulas salivares e das articulações dos maxilares. Esta especialidade está particularmente vocacionada para a Cirurgia Ortognática (correção de malformações das arcadas dentárias).

A Higiene Oral é uma especialidade dirigida ao diagnóstico, prevenção e terapêutica de doenças orais, tendo um papel determinante na manutenção dos tratamentos efetuados nas outras especialidades. Intervém também a sua vertente pedagógica, que através do ensino e demonstração de técnicas específicas contribui para a melhoria da saúde oral. Uma boa higiene oral é um fator determinante na prevenção da maioria das doenças que afetam a saúde oral, caracterizando-se pela correta eliminação dos resíduos e impossibilitando a fixação nos dentes e nas gengivas de um conjunto de bactérias que, quando não removidas, poderão dar origem à formação de placa bacteriana e tártaro (as principais causas de cáries e doenças periodontais).

O Branqueamento Dentário é uma técnica cada vez mais comum e pedida pelos nossos clientes. Sendo que mesmo dentes saudáveis vão ficando amarelados com o tempo devido ao fumo do tabaco, ao consumo de chá ou café ou aos pigmentos coloridos contidos na maior parte dos alimentos, pode ser utilizado por pessoas das mais variadas idades ou caraterísticas.

Todos aqueles que o experimentam sentem uma diferença muito positiva na sua imagem, no contacto com os outros e na forma como se mostram ao mundo. Um sorriso bonito é, cada vez mais, sinal de uma imagem cuidada, transmitindo confiança e auto-estima.

Endopsi Loures